Roller Disco

Comentários 2 Padrão

Pense em um lugar que você possa se divertir, badalar, tendo os anos 80 de volta, com músicas, roupas e maquiagens a caráter e ainda por cima andar de patins? Pensou? Pois bem, esse lugar existe e se chama Roller Disco.

Localizada em Vauxhall, a balada que acontece de quinta a sábado é uma ótima opção para quem procura se divertir de maneira diferente.

01

386

Ao som de grandes nomes que marcaram época como Michael Jackson, Cyndi Lauper, Queen, Whitney Houston e tantos outros, o clima entre brincadeira, diversão e muitos, mas muitos tombos nas pistas tornam-se contagiante.

08

05

O ambiente que possui duas pistas de patinação agrada desde os iniciantes/ aprendizes, movidos a era do rock com instrutores até os profissionais ao som de house e eclectic. Sem contar os espaços (mesas e sofás) destinados às festas e despedidas de solteiros.

03

Só meu marido para ajudar na escolha dessa make! kkkkkk

06

07

O preço do aluguel dos patins já está incluso no ingresso, mas, se você preferir, levando-os caso você tenha, ganha-se desconto. Frisando que o ambiente só tem os modelos rollers e não os in line.

Para mais informações sobre a Roller Disco é só acessar o site. Agora se você for mais visual não deixe de assistir o vídeo abaixo.

Blues em Londres

Deixe um comentário Padrão

Blues???

Hã?

Sinceramente, se me perguntassem o quanto eu entendo de Blues, minha resposta é nada! Porque sinceramente, Blues só ouvi em alguns filmes americanos e olhe lá.

Mas, como nunca é tarde para aprendermos coisas novas, porque não aproveitar o aniversário de uma amiga querida e ir ao um bar de Blues em Londres?

Localizado no Soho, o Ain’t Nothin But é considerado um dos melhores bares de Blues da Inglaterra.

Confesso, que se você for pelo tamanho do local, se decepcionará logo na porta  – é minúsculo! Mas, a música e a animação são super contagiantes. Impossível ficar parado! Ainda mais, se você estiver cercado de amigos e deixar o som te levar…

Super aprovado!

Dançamos do início ao fim (08h30min – 02h30min) e ainda depois, tivemos pique para andar pela cidade e pararmos no primeiro chinês “xing ling” para forrar os estômagos – Hung’s Chinese Restaurant.

Arrisca tradução na coluna da esquerda?

Claro, o resultado não poderia ter sido dos melhores para alguns no dia seguinte, mas isso já é outra história…

Noodles com camarão, para não ter erro

Fim de semana prolongado II

Deixe um comentário Padrão

Acho que pegamos gosto por finais de semana prolongados…

Este, por ser o penúltimo fim de semana antes da Dominique viajar, procuramos aproveitar ao máximo todos os momentos juntos. Com direito a passeios pela cidade, conversa na beira do rio, balada, jantar português, churrasco, risos, choro, gargalhadas e reflexões, afinal, não é sempre que fazemos amizades verdadeiras, principalmente em Londres. Quem conhece Londres deve entender.

A terra em que as pessoas vêem e vão a todo o momento. E da mesma forma que você pode conhecer inúmeras pessoas em um dia, no outro, inúmeras pessoas também vão. Fator este, que deixam os laços sociais muito frágeis.

Mas, se é o melhor para ela, após dez anos na terra da rainha, mesmo com dor no coração, só nos restou aproveitar e curtir ao máximo esse momento.

Por isso, munida dessa vez com máquina na mão, todos os momentos puderam ser registrados. Começamos novamente em um pub e seguimos para uma das principais catedrais de Londres – St. Paul’s (famosa pelo casamento da princesa Diana).

De lá, nosso passeio se estendeu a algumas horas de conversa a beira do rio, admirando a paisagem, o pôr do sol… E quando já estávamos com os bumbuns quadrados, resolvemos por sugestão dos meninos, irmos a uma balada – Trafik.

Lá, a diversão rolou solta, com altos momentos de descontração e o Tadas tentando azarar em russo. Comédia pura para um lituano.51

Por fim, a noite acabou, quando já não tínhamos mais pernas para continuar e metade das latas de cerveja que o Tadas tentava carregar, ficarem perdidas pela cidade.